Federação das Indústrias de Óleos Vegetais, Derivados e Equiparados
 
Acerca do Reach
Acerca do Reach
Guias e Manuais
Legislação
Links
 

Impacto do REACH

Compreender que o REACH é uma realidade, que afecta as substâncias químicas, vai alterar a política ambiental, o funcionamento das empresas, e vai obrigar à interacção de umas com as outras.

Ponto chave

Não há dados - Não há comercialização

  1. Baseado no princípio de precaução
  2. Vai substituir praticamente toda a actual legislação dos químicos
  3. A “Prova de fogo” está na Indústria que será obrigada a demonstrar as condições de segurança de utilização

Vai originar:

  1. Aumento dos custos das substâncias químicas
  2. Redução do número de fontes de fornecimento
  3. Perda de substâncias químicas por razões comerciais
  4. Perda de substâncias químicas por razões de perigo para a saúde e ambiente
  5. Reformulação de produtos
  6. Obstáculos na inovação
  7. Custos na implementação.

Vai exigir:

  1. Pré-registo de todas as substâncias existentes fabricadas e/ou importadas em quantidades ≥de 1 Ton/Ano por fabricante ou importador,
  2. Dossiê de Registo de todas as substâncias fabricadas  ≥ 1 ton/ano por fabricante / importador
  3. Mais requisitos para volumes ≥10, ≥100 e ≥1000 ton/ano.
  4. Inclusão dos dados de segurança para a saúde humana e para o ambiente.
  5. Melhoria do fluxo da  informação a montante e a jusante na cadeia de fornecimento
  6. Pedidos de autorização para substâncias de elevada preocupação
  7. Restrições nas substâncias de elevada preocupação.

A reter:

1º -
Saber como está a operar a empresa.
2º -
Estabelecer uma equipa do REACH na Empresa.
3º -
Estabelecer o Inventário de substâncias usadas na Empresa.
4º -
Para cada substância química estabelecer a origem de fornecimento para determinação do respectivo status e obrigações no âmbito do REACH.
5º -
Identificar os dados de segurança relativos a todas as substâncias  (para: saúde humana e ambiente).
6º -
Prioritizar os ingredientes.
7º -
Preparar um plano de acções.
8º -
Manter o diálogo com fornecedores dos ingredientes e substâncias químicas.
9º -
Estabelecer um sistema de informação eficaz e mantê-lo actualizado.
   
Copyright 2010 fiovde.pt. Todos os direitos reservados